Pragas de solo: O que são? Como controlar?

O controle das pragas do solo começa no manejo cultural…

Diversas pragas possuem hábito subterrâneo, vivem na superfície ou passam o seu ciclo biológico no solo, causando danos nas partes vegetais. Essas espécies são conhecidas como pragas de solo!

Como já discutimos anteriormente, para o manejo adequado de uma praga é necessário um estudo completo da sua biologia, comportamento, hábitos, distribuição e determinação do nível populacional no qual essa praga começa a causar danos econômicos às culturas. E vocês acham que a pesquisa dessas características em uma praga de solo é realizada da mesma forma em relação à uma praga de parte aérea?

A resposta é não! O estudo dessas pragas é mais lento, tendo em vista a dificuldade de localizar e monitorar o alvo. E no que mais esses fatores influenciam?

Respondeu certo quem pensou no controle, não é tão simples controlar uma praga que, em muitos casos, quando você percebe que ela está na área, o dano causado já foi muito grande ou até mesmo insetos cuja geração tem duração de duas safras. Além disso, apesar da tecnologia de aplicação já ter evoluído muito nos últimos tempos, ainda é difícil atingir o alvo quando o assunto é controle de pragas do solo.

Qual seria a solução? Como abordado anteriormente a prevenção para o ataque de pragas de solo é realizado no pré-plantio com o tratamento de sementes e aplicação de inseticidas no sulco de plantio.

Fique atento! As pragas de solo têm ganhado cada vez mais importância na agricultura, e isso se deve às mudanças no manejo do solo, que afeta as pragas tanto no caso do preparo convencional (aração, gradagem, revolvimento), como no sistema de plantio direto. Esses métodos mudam o microclima da área favorecendo ou desfavorecendo o aparecimento de pragas.

Levando em conta tudo o que abordamos, o controle das pragas do solo começa no manejo cultural, através do revolvimento do solo e exposição das pragas aos inimigos naturais e condições climáticas adversas ao seu desenvolvimento. Ao contrário do que muitos pensam, o pré-plantio é de extrema importância para o aumento da produção da sua lavoura, continue acompanhando o blog para mais informações e novidades!

Fonte: BLOG AGRO BASF

http://www.blogagrobasf.com.br/noticia?id=723#/banners